Postado em 25 de Julho de 2018 às 15h02

Com a Orquestra Juvenil Heliópolis, ex-aluna da Escola de Música participa de turnê com Andrea Bocelli

Visitas (159)Apresentações (164)Institucional (175)Eventos (167)
Orquestra Nova Mutum - MT A clarinetista aprendeu a tocar o instrumento na Escola de Música. Com a Orquestra Juvenil do Instituto Baccarelli, já se apresentou nos mais importantes palcos e eventos notáveis ao lado de grandes...

A clarinetista aprendeu a tocar o instrumento na Escola de Música. Com a Orquestra Juvenil do Instituto Baccarelli, já se apresentou nos mais importantes palcos e eventos notáveis ao lado de grandes nomes da música.

Com início de sua história profissional na Escola de Música de Nova Mutum, a musicista, Lidiane Alves Dias, com apenas 23 anos, já desponta no mundo da música e se prepara para mais uma emocionante experiência. A Orquestra Juvenil Heliópolis, do Instituto Baccarelli, na qual Lidiane integra atualmente, vai acompanhar Andrea Bocelli em sua turnê brasileira.

A turnê de Bocelli com a Orquestra Juvenil Heliópolis, inicia no dia 23 de setembro, em Porto Alegre, passando por Brasília, no dia 26 e encerra em São Paulo, no dia 29 de setembro. Os shows terão a participação especial de outros artistas brasileiros, cujo nomes ainda não foram divulgados.

Clarinetista na Orquestra Juvenil do Instituto Baccarelli, Lidiane guarda momentos marcantes em suas participações com a Orquestra. Em maio deste ano, ela e outros músicos do Instituto, estiveram presentes no programa Altas Horas, na divulgação da segunda edição do Sinfonia Samsung Rock, onde a Orquestra Juvenil Heliópolis se apresentou com grandes nomes da música brasileira.

História de sucesso

A jovem iniciou sua carreira na segunda turma da Escola de Música de Nova Mutum, quando o projeto tinha apenas seis meses de existência, em 2010, aos 14 anos, já na turma de clarineta.

“Eu fazia aulas de teclado na época e meu professor tinha uma clarineta, foi assim que este instrumento me chamou a atenção. Quando fiz a matrícula na Escola de Música eu fiquei em dúvida entre o trompete e a clarineta, mas como usava aparelho, logo me descartaram o trompete, o que foi ótimo”, brinca a musicista.

Lidiane deixou o projeto aos 17 anos, para estudar música na UFMT em Cuiabá. Concluiu sua formação em Curitiba, na Escola de Música e Belas Artes / UNESPAR. Em seguida encontrou oportunidade para fazer um teste no Instituto Baccarelli, em São Paulo, e daí por diante, sua carreira profissional, só deslanchou.

No Instituto a clarinetista ingressou na Orquestra Juvenil Heliópolis, o que lhe abriu um caminho de grandes experiências. Com a Orquestra, Lidiane se apresentou pela primeira vez na Sala São Paulo, casa da OSESP, considerada uma das mais belas salas de concerto do mundo, e em eventos notáveis, como o Sinfonia Samsung Rock Vol.2, ao lado do cantor Samuel Rosa (Skank) e dos guitarristas, Rodrigo Suricato (Barão Vermelho) e Lari Basílio, no Auditório Ibirapuera, um dos mais fascinantes da América Latina.

“É incrível! São experiências que jamais imaginaria. Fazer parte da Orquestra Juvenil Heliópolis, tem me proporcionado emoções que levarei por toda vida”, declara Lidiane.

Tão jovem, e já com um currículo apreciável, a musicista ainda não se sente realizada, e busca muito mais.

“A gente vai vivendo e as oportunidades aparecendo. Estudar, tem que estudar mesmo, para estar sempre preparado. Mas penso um dia ir para fora do país, fazer um mestrado, um doutorado”, planeja.

E mesmo com todo mérito que conquistou, Lidiane lembra com muito carinho do ponto de partida para chegar onde chegou.

“A Escola de Música de Nova Mutum foi a base de tudo, onde tudo começou, os primeiros passos dessa vivencia. Antes, nunca tinha ouvido uma sinfonia, foi aqui que aprendi a tocar clarineta, então eu considero a base para tudo que conquistei. ”, fala com gratidão a musicista.

Por Poliana Chaves
ASCOM

Veja também

Festival: Prefeitura foi palco do Concerto 2 com o Ciranda Brass30/06/1416 apresentações serão realizadas durante toda a semana em diversos locais da cidade. Os grupos incluem uma big band, orquestra de câmara e diversas formações No dia seguinte ao concerto de abertura do I Festival Nova Mutum de Música Orquestral (FNMO), realizado na noite deste domingo (29) na sede da Orquestra Sinfônica Jovem de Nova Mutum (OSJNM), foi a vez da Prefeitura receber uma apresentação. O Concerto 2 da programação do festival ficou por conta do grupo Ciranda Brass e realizou-se na tarde desta segunda-feira (30),......
Quinteto homenageia mulheres em Sessão Solene na cidade de Diamantino06/03/15 Em homenagem ao dia internacional da mulher, a câmara municipal de Diamantino, irá realizar uma Sessão Solene neste sábado (07), às 19h30. A solenidade acontecerá no Centro de Eventos “Juarez de Abreu” e......

Voltar para Blog