Postado em 22 de Agosto de 2017 às 11h48

Com Fanfarra da Apae OJNM participa das atividades da Semana Nacional da Pessoa com Deficiência

Eventos (167)Institucional (175)Apresentações (164)
Orquestra Nova Mutum - MT Na manhã desta terça-feira (22), músicos do grupo de Sopros participaram de uma apresentação ao lado da Fanfarra da Apae em alusão a “Semana Nacional da Pessoa com...

Na manhã desta terça-feira (22), músicos do grupo de Sopros participaram de uma apresentação ao lado da Fanfarra da Apae em alusão a “Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla”. Foram duas apresentações, a primeira em frente à Prefeitura, com a presença de autoridades municipais e funcionários públicos e a outra na Câmara Municipal.

Com o objetivo colocar a sociedade em reflexão no dever da igualdade para inclusão, a Semana da Pessoa com Deficiência, também visa mostrar as várias habilidades desenvolvidas pelos alunos da Apae, objetivo que foi alcançado com sucesso esta manhã. A apresentação animada arrancou muitos aplausos do público.

Em perfeita sintonia com a Fanfarra, o grupo de Sopro da OJNM tocou um repertório bastante conhecido, a canção Asa Branca e algumas Marchinhas de Carnaval.

A campanha “Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla 2017”

Promovida pela Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), começou na segunda-feira (21) a “Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla” e segue até o dia 28 de agosto, com várias atividades de integração entre alunos, familiares e a comunidade em geral.

Com o tema “Pessoa com deficiência: direitos, necessidades e realizações”, a proposta da Fenapaes é quebrar tabus e vencer as barreiras da desigualdade, lutando pelos direitos das pessoas com deficiência, na busca por inclusão efetiva, para que exista amparo nas dificuldades da vida.

Por Poliana Chaves
Ascom – Escola de Música OJNM

Veja também

Luthier dedica talento e técnica na manutenção de instrumentos da OJNM02/05/18 Luthier, uma palavra de origem francesa, define um profissional de extrema habilidade manual e auditiva amante das notas e das texturas encontradas nas melodias. Uma arte milenar de devoção à música, seja por profissão ou amor, como no caso do músico e luthier, Tercio de Deus Santos, que desde de 2009 se dedica a sensibilidade da luthieria, a arte do conserto......

Voltar para Blog