Postado em 23 de Janeiro de 2017 às 16h27

Fundação André e Lucia Maggi: Escola de Música de Nova Mutum é premiada por “Boas Práticas de Gestão – Edição 2016”

Orquestra Nova Mutum - MT Por Ana Paula Dias – Jor. MTB 77641/SP Assessoria de Comunicação OSJNM O Prêmio Fundação André e Lucia Maggi foi criado com objetivo de reconhecer e incentivar as...

Por Ana Paula Dias – Jor. MTB 77641/SP
Assessoria de Comunicação OSJNM

O Prêmio Fundação André e Lucia Maggi foi criado com objetivo de reconhecer e incentivar as melhores práticas de instituições sociais dos municípios onde a AMAGGI atua, que contribuem para o desenvolvimento local e sustentável, sendo assim, após o lançamento do edital, ainda em 2016, a Escola de Música de Nova Mutum realizou a inscrição do processo seletivo aberto para as Boas Práticas de Gestão. Após análise do projeto, enviada via edital, a Escola de Música foi selecionada para a segunda fase da análise documental e auditoria interna.


“Em 2015 eles não abriram nenhum tipo de patrocínio para projetos sociais, pois eles buscavam um novo formato de adequação do sistema. Porém já havíamos participado de prêmios anteriores, e por três vezes já fomos contemplados com o Prêmio Amaggi”, destacou Edmar de Souza Nascimento, Coordenador Geral da Escola de Música de Nova Mutum.


Após a visita técnica, os representantes da Escola foram convidados a participar de um jantar em Cuiabá, onde seria anunciado os ganhadores do Prêmio Amaggi. No dia 14 de dezembro, do ano passado, a Escola de Música de Nova Mutum, conquistou o segundo lugar na categoria boas práticas de gestão, ao qual recebeu o valor de R$ 40 mil reais, sendo R$ 20 mil para aplicação de recursos dentro do projeto e os outros R$ 20 mil em capacitação de gestão.


“Fiquei muito feliz em saber que dentro desta nova proposta conquistamos o segundo lugar, só perdendo mesmo para o SENAI, isso é muito gratificante para nós, já que sabemos da grandiosidade do SENAI no Estado. Isso mostra que estamos no caminho certo”, disse o Coordenador Geral.


“Para nós da Escola é uma grade satisfação o recebimento deste prêmio, pois é uma conquista que foi feita com muita dedicação e muito amor. É o resultado de um trabalho que fazemos buscando uma gestão séria, que tem como resultado um impacto positivo na vida de cada criança, adolescente e jovem, que nos procuram em busca de novas oportunidades”, ressaltou Diovana da Rosa Azeredo, Coordenadora Administrativa.


O Prêmio é de suma importância para a instituição, já que dentro da capacitação de gestão, todo o aprendizado será aplicado na administração do projeto retornando benefícios direto a comunidade e contribuindo diretamente na aprendizagem de cada criança inclusa. “Dentro desta proposta o meu trabalho e dos demais colegas será ainda mais aperfeiçoado, pois já participamos de capacitações anteriores, oferecidas pela Fundação André Maggi, e que nos fez crescer como gestores”, concluiu Diovana.

Veja também

Desempenho individual de alunos é apresentado durante reunião de pais e mestres13/07/18 Foi realizada na noite de ontem (12), reunião de pais e mestres, onde foram apresentados o desempenho individual de cada aluno e algumas mudanças para o segundo semestre do ano. A reunião marcou o encerramento das atividades e o início do período de férias. Além de abordar o desenvolvimento do aluno, a reunião também foi uma oportunidade de......
Instrutor participa de I Simpósio de Clarinetistas de Goiás31/05/16 Assessoria OSJNM Ana Paula Dias – mtb. 77641/SP Durante três dias o instrutor de clarinetes da Orquestra Sinfônica Jovem de Nova Mutum, Luiz Pedro Conrado, participará do ‘Primeiro Simpósio de Clarinetistas de......
Orquestra participa de ‘Sarau’ na comunidade Ranchão13/04/15 A escola Estadual, da comunidade Ranchão, realizou o 1º Sarau 2015. Cada aluno, em contra turno escolar, participa do projeto “Mais Educação”, que tem como objetivo apresentar aulas diferenciadas, como pintura em tela, em......

Voltar para Blog